Como a programação pode ajudar no desenvolvimento das crianças

edson
Edson Pereira 28/10/20214 min
Como a programação pode ajudar no desenvolvimento das crianças

Em meio a esse mundo globalizado um dos assuntos que vem sendo discutidos na atualidade é em relação a como a programação pode estar ajudando no desenvolvimento de crianças. Então, para começar, uma pergunta se faz relevante: “Em qual momento foi decidido entre as crianças sobre aprender a ler e a escrever? ”. E a resposta é simples, isso não foi decidido por eles, pois durante toda a evolução da humanidade isso é algo primordial e muito importante pois é considerado um dos pilares para uma base sólida além de ser o começo do aprendizado e, com isso, pode ser mencionado que ao longo do tempo muitos estudos foram levados em consideração sobre esse assunto e assim, surgiram todos os métodos de aprendizagem para as crianças, onde nessa área se tem vários especialistas nesse assunto.

De outra perspectiva, o problema que se tinha no passado que era a falta de alfabetização da humanidade, atualmente ainda existe, porém, no meio digital. Além disso, muitos são sim experts no assunto e, outros são apenas usuários de alguma plataforma que é imposto no trabalho, na escola e, com isso, não sabem como tais ferramentas funcionam realmente, como elas surgiram ou até mesmo quais suas principais finalidades.

Logo, precisa-se de uma dedicação para a alfabetização digital, assim como se teve para a alfabetização tradicional. Além disso, outra discussão entra em vigor, “O que se deve ensinar nas escolas? ”, esse é um ponto muito importante, na qual, é discutido até os dias atuais. Por exemplo, na Roma antiga era importante se ter o ensinamento de artes liberais, na qual, eram as famosas ciências e, também tinham gramática, astronomia e música. Já no século XV e XVI, foi ensinado às crianças a soletrar, e, nessa época houve uma evolução grotesca sobre como ensinar as coisas, logo, foi inventada a pedagogia e a didática. Já no século XVIII, começaram a ser ensinadas várias outras matérias, como por exemplo, a História, Geografia e Línguas Estrangeiras já que o mundo tinha crescido em relação à população e ao conhecimento.

Em sequência, a surpresa real se teve no século XIX e XX onde tudo foi acelerado em relação à Artes, Ciências e Tecnologia, porém, se teve a industrialização da escola, onde foi inserido 40 ou até mesmo 50 alunos em uma turma, foi colocado cada matéria em seu devido lugar, professores muito especializados. Com isso, dando um exemplo grotesco e crítico, “Será que fazia sentido estar decorando tudo sobre cada Reino quando se trata da Biologia, por exemplo? ”. Atualmente, no século XXI, uma criança qualquer pode pesquisar tudo sobre qualquer reino no Google e em pouco tempo te dar uma resposta, além disso, não só sabem quais animais pertencem ao reino, mas também, o que eles comem e como eles se reproduzem. Enfim, nos dias de hoje, em meio ao Softwares, Smartphones e Internet o que realmente importante é saber criar relação, por exemplo, ser criativo, ter o senso crítico de como tudo funciona, porém, a escola ainda ensina a decoreba.

Dito isso, faz-se muito relevante e importante mencionar que se precisa ensinar a linguagem do século para as crianças, ensinar a elas como programar. Não apenas porque atualmente se chama as crianças de nativos digitais que eles sabem tudo sobre tecnologia, não só porque eles conseguem colocar algum desenho na internet sem a ajuda de alguém que eles conhecem tudo desse assunto. A grande maioria das crianças não sabem explicar como um aplicativo foi feito, concluindo, não possuem senso crítico.

Sobre esse tema, alguns aspectos fazem-se relevantes, nas quais, são importantes estar destacando o motivo e benefícios do ensino de programação para as crianças, seguem eles:

Desenvolvimento cognitivo

A programação envolve desafios, nas quais, os programadores têm que buscar alternativas para solucionar problemas e passar pelos desafios. Logo, em relação às crianças com a solução de problemas, estimula o desenvolvimento cognitivo devido aos estímulos de maneira divertida. Além disso, a memória é beneficiada pois é exercitada pelo uso dos algoritmos durante a programação.

Estímulo ao trabalho em equipe

A importância de estimular o trabalho em equipe é justamente pelo fato de incentivar a empatia, cidadania e cooperação. Com isso grande parte das atividades feitas durante a programação é realizada em conjunto justamente pelo fato de pessoas poderem contribuir para o código final e, além disso, quando não há a cooperação de mais de um participante no desenvolvimento de um código, quando as dúvidas surgirem é essencial a busca pela solução perguntando para outras pessoas, logo, há de forma direta a participação e trabalho em equipe.

Incentivo à criatividade

A programação com a utilização da tecnologia é essencial para ajudar a resolver problemas do cotidiano de maneira divertida e rápida. Em comparação com as crianças, elas aprendem a encontrar diferentes soluções para diversos desafios e problemas, com isso, é estimulado de forma direta a sua criatividade e seu raciocínio lógico.

Estímulo ao aprendizado de outras matérias escolares

Um dos mais importantes é fazer uma comparação com o estímulo que é fornecido para o aprendizado de outras matérias, com isso, quando se tem o contato com os computadores, por exemplo, é despertado um pensamento científico que ajuda na visão de outras matérias.

Mais facilidade para lidar com as frustrações cotidianas

Com a utilização da programação a seu favor, e todos os estímulos citados anteriormente, além da solução de desafios e problemas, a criança entende que há várias soluções para a mesma situação e, consequentemente, quando se traz para o mundo real, a criança lida melhor com as frustrações sabendo que há diversas possibilidades de enfrentar problemas.

Oportunidade de carreira

Por fim, não mais importante, vale ressaltar também, com a descoberta de uma área muito comum nos dias de hoje que é a programação, consequentemente, a criança tendo esse contato primordial na escola ou em algum outro ambiente é muito importante pois gera uma opção para seguir uma carreira profissional.